segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Porque Marina?

 
 A candidata Marina (PSB) criticou os ataques da campanha de sua adversária Dilma Rouseff do (PT) e disse “ que desconfia que a presidenta Dilma não se sente confortável” com o que está dizendo a respeito da petista. Marina uma mulher esforçada Cursou história na Universidade Federal, ajudou a fundar o Partido dos trabalhadores no Acre.

Marina fundou também a Central Única dos trabalhadores. Até 2008 foi ministra, mas deixou o cargo após alguns desgastes. Ao longo de toda sua vida política e pública a ex-senadora foi reconhecida internacionalmente pelo seu trabalho de defesa do meio ambiente, além de ter recebido vários prêmios das organizações internacionais ambientais.

Segundo pesquisas mostram que a candidata teria parado de crescer e se igualou numa situação de empate com a petista Dilma. Marina tende a defender uma maior participação no mercado norte-americano. O Brasil passou de 15 bilhões nas exportações para os Estados Unidos no ano de 2003, para 24 BI em 2013. Os planos de Marina foi mais  enfático, ou seja exige uma certa atenção prioritária  pela magnitude dos desafios e cifras.

A candidata Marina pretende renovar o estímulo à cooperação empresarial em áreas como o intercâmbio de tecnologia e educacional entre Estados Unidos e Brasil. Marina afirma: “precisamos fazer acordos  de cooperação em ciência, tecnologia  e inovação, algo que classificou como promissor”.

 Segundo as pesquisas do Jornal o Povo de Fortaleza mostram: pesquisa de intenção de voto do Ibope em Fortaleza e interior indicou que Marina Silva (PSB) tem 30% dos votos no estado, enquanto Dilma Rousseff (PT) aparece com 36% e Aécio Neves (PSDB), 19% Na pesquisa anterior, feito em agosto, Marina tinha 35%. Dilma se manteve estável com 23%.


Fonte: R7, Jornal o Povo e o site Programa de Sustentabilidade.
Fonte: Jornal O Povo

Um comentário:

  1. Ótimo trabalho de pesquisa. Rita Alexsandra, gostei da forma como você fez a abordagem, foi direta e clara. Você conseguiria responder: Por que não Marina? Rsrsrs... Abraços!!!

    ResponderExcluir